Hospital de Clínicas passa a marca de 2 mil cirurgias realizadas pelo Opera Paraíba

 

O Hospital de Clínicas, em Campina Grande, registrou esta semana a realização de 2.019 cirurgias eletivas em um período de dois meses pelo programa Opera Paraíba. Foram, no total, 986 cirurgias gerais, 125 ginecológicas, 112 procedimentos da otorrinolaringologia, 241 urológicos, 36 cirurgias pediátricas, 255 cirurgias oftalmológicas e 264 pequenas cirurgias.

A dona de casa Francisca Ponciano da Silva, de 51 anos, da cidade de Coremas foi uma das beneficiadas. Ela fez cirurgia de vesícula depois de passar por diversos serviços de saúde. “Eu sentia muita dor, passava muito mal, cheguei a ir para o bloco e não foi feita a cirurgia. Mas agora chegou a minha vez, estou muito feliz, sem falar no atendimento que é maravilhoso”, contou.

A unidade passou a integrar a rede de hospitais do Opera Paraíba no último mês de outubro, quando o governador João Azevedo inaugurou o centro cirúrgico do hospital, contendo três salas de cirurgias. A partir de então, o HC vem realizando, diariamente, cerca de 30 cirurgias.

No local também já foram realizados mutirões de cirurgias pediátricas, na especialidade de otorrinolaringologia, mutirão de catarata, e de intervenções urológicas.

No fim do mês de novembro, o Hospital de Clínicas ampliou os atendimentos e passou a ofertar pequenos procedimentos como a retirada de sinais, retirada de lipomas, retirada de cistos sebáceos e biopsia de manchas da pele.

Os pacientes atendidos no HC são de vários municípios do estado, encaminhados por meio das secretarias municipais de saúde. Já a população de Campina Grande, com indicação cirúrgica, realiza o cadastro para marcação das consultas e cirurgias por meio da Central de Agendamento da unidade.

De acordo com o diretor-geral do hospital, Jhony Bezerra, em 2022 o hospital continuará a ofertar cirurgias eletivas para a população do estado, contribuindo para agilizar a fila de espera.

“Em pouco mais de 60 dias, conseguimos melhorar a qualidade de vida de mais de 2 mil pessoas de várias cidades da Paraíba, e nosso trabalho não para por aqui. Em 2022, estaremos realizando ainda mais procedimentos e colaborando com o objetivo do programa”, pontuou o gestor.

PB Agora


BORGES NETO LUCENA INFORMA