PRF flagra 118 motociclistas conduzindo sem cautela durante a Operação Verão

 

A PRF flagrou 118 motociclistas conduzindo irregularmente seus veículos durante a Operação Verão, que ocorreu neste mês de janeiro nas rodovias federais paraibanas. A atenção e cuidado da PRF com os condutores de veículos duas rodas no trânsito se dá, especialmente, por conta das características das motocicletas, motonetas e ciclomotores.

Observa-se que o número de motocicletas que circulam nas rodovias federais vem aumentando exponencialmente nos últimos anos devido à agilidade e economia na locomoção proporcionadas por este tipo de veículo automotor.

Importante relatar que o número de acidentes nas rodovias federais do Estado envolvendo veículos duas rodas motorizados ainda é assustador. São acidentes graves, que em sua maioria deixam grandes sequelas ou levam os condutores a óbito.

Os dados colhidos pela Polícia Rodoviária Federal no ano de 2021, mostram que 30,97% dos veículos registrados nos boletins de acidentes são motocicletas, motonetas ou ciclomotores, porém representam 46,79% dos veículos envolvidos em acidentes com óbito. E se considerarmos, aqueles veículos de duas rodas que não foram localizados, este percentual sobe para 70%. Foram 51 vítimas fatais e 838 feridos, somente em 2021, e o grande desafio da PRF é que este número seja cada vez menor.

A PRF orienta sobre os cuidados que os motociclistas devem tomar para zelar pela sua segurança no trânsito:

  1. Uso do capacete: este deve estar de acordo com a regulamentação vigente, ou seja, possuir os adesivos refletivos que facilitam sua identificação pelos demais motoristas, manter a viseira fechada ou usar óculos de proteção, ajustar a alça e atentar-se quanto à validade do equipamento.
  2. Ver e ser visto: os faróis devem estar sempre ligados para manter o veículo de duas rodas no alcance de visão dos demais motoristas, bem como o uso de roupas refletivas para condutor e passageiro.
  3. Ultrapassar com segurança: não realizar ultrapassagens em curvas e só ultrapassar em total segurança.
  4. Ter cuidado com pontos cegos e estar sempre atento ao retrovisor.
  5. Deixar a manutenção do veículo em dia: observar sempre se os pneus estão em condições de uso, assim como os freios.
  6. Jamais usar o celular enquanto estiver conduzindo a motocicleta.
  7. Respeitar à sinalização de trânsito: graças às placas de sinalização é possível antecipar os perigos e as condições das vias..
  8. Não ingerir bebida alcoólica se for conduzir a motocicleta.

A PRF segue com a Operação Rodovida, que se estende até o mês de março, e destaca que apenas a mudança de comportamento trará um trânsito mais seguro para todos.

PB Agora


FALA PARAÍBA-BORGES NETO