Uso de máscaras é essencial para se proteger da Covid-19 e da Influenza, reforça secretário Geraldo Medeiros

 


O secretário de Estado da Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, voltou a reforçar a necessidade do uso da máscara como medida de proteção contra a Covid-19 e contra a Influenza, principalmente devido a circulação da variante H3N2 Darwin. Segundo ele, a Paraíba sempre defendeu o uso do item e pede para que a população mantenha sua utilização. 

“A utilização de máscaras é essencial. Foi publicado um trabalho no Lancet, semana passada, mostrando que se você está de máscara e as pessoas que estão ao seu lado estão usando máscaras, a chance de você se contaminar é de menos de 1%. Enquanto se tiver duas pessoas sem máscaras e algum dos dois estiver contaminado, a probabilidade é de 90% de se contaminar”, comentou em conversa com o ClickPB.

Vale ressaltar que a máscara protege tanto a Covid-19 quanto a Influenza A e suas variantes. por conta disso, o item é tido como essencial na proteção dessas doenças vigentes no Brasil e na Paraíba. Desde o início da pandemia até o momento, a Paraíba tem mantido a obrigatoriedade da utilização das máscaras. 

Além das máscaras, a população ainda pode manter outros cuidados preventivos como a higienização das mãos, uso do álcool 70% (gel ou líquido) e o distanciamento social. Na Paraíba, até o momento, já contabiliza 464.565 casos confirmados e 9.599 vidas perdidas pela Covid-19. Ao todo, já se recuperaram 359.181 pessoas. Até o momento já foram realizados 1.250.737 testes para diagnóstico do novo coronavírus.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO