​Felipe Leitão nega ida para o MDB e diz que não tem motivos para mudar de lado: "tenho um bom relacionamento com o governador"

 


O deputado estadual Felipe Leitão (Avante) negou que irá se filiar ao MDB, partido ao qual tem o seu pai, o vereador de João Pessoa Mikika Leitão, é presidente do Diretório Municipal. Segundo o parlamentar, não há motivos para mudar de lado e garantiu ter "um bom relacionamento com o governador". 

Essa declaração de Felipe Leitão foi na tarde desta terça-feira (22) em entrevista ao programa Arapuan Verdade da Rádio Arapuan FM. “Desde que eu cheguei na Assembleia Legislativa da Paraíba eu apoio o governo João Azevêdo. Tenho feito a defesa do governo na Assembleia Legislativa da Paraíba. Não tenho porquê mudar de lado agora. Haja vista que tenho bom relacionamento com o governador, com os demais auxiliares do governo”, disse, como acompanhou o ClickPB.

O deputado Felipe Leitão ainda pontuou que entende a defesa do pai, o vereador Mikika Leitão, em apoiar e defender a candidatura do MDB ao governo do Estado nas eleições de outubro, mas considerou que ambos têm "CPFs diferentes". A declaração do deputado ocorre após Mikika dizer que iria conversar com o filho na tarde de hoje e tentar convencê-lo a ingressar nos quadros do MDB. Felipe está no Avante, mas deve deixar a sigla. No entanto, ainda não definiu para qual partido se filiará.

“A gente vê o entusiasmo, a defesa do vereador Mikika Leitão em prol do projeto Veneziano vital do Rêgo, já que Mikika, um emedebista roxo, desde a época de Zé Maranhão, de Antônio Mariz, todo mundo sabe da relação que ele tem com o MDB, mas a gente tem que saber separar as coisas. Os nossos CPFs são diferentes. Eu tenho um CPF, ele tem outro. Eu sou deputado estadual, ele é vereador. Tá defendendo a candidatura do partido dele”, comentou. 

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO