Paraibana Gkay denuncia xenofobia e avisa: 'O processo vem aí


 A paraibana Gessica Kayane, Gkay, denunciou nesta quarta-feira (27), o crime de xenofobia sofrido por ela nas redes sociais. Na publicação, uma pessoa fala mal de seu sotaque nordestino.

A influencer avisou que não vai deixar o episódio passar em branco. "O processo vem aí. Se brincar, até cadeia", declarou Gkay, ao expor as publicações preconceituosas.

A paraibana disse estar revoltada, mas que não vai deixar o criminoso passar ileso. "Eu admito todo tipo de crítica aqui na internet. Do meu corpo, minha cara, meu cabelo. Mas coisa relacionada à minha origem, ao meu sotaque e ao meu Nordeste é processo, torcendo para cadeia. Porque xenofobia é crime. Pode me esculhambar, mas não toque no meu Nordeste. Não admito", afirmou.


Na publicação, Gkay mostra que a suspeita de praticar o crime bloqueou as redes sociais. 

"Não adianta usar fake, nem correr, porque a gente já está rastreando o IP. Porque tem como fazer isso, viu, gente? Tem como rastrear bem bonitinho de onde a pessoa é. Não cometeu crime? Agora, a gente vai atrás de vocês. Não adianta se esconder", avisou.

"Vamos parar com esse negócio de 'pessoas assim não merecem atenção'".  Merecem, sim. Racista, xenofóbico e homofóbico têm que estar dentro da cadeia. Vamos dar atenção, sim", finalizou a paraibana. 

CLICKPB
FALA PARAÍBA-BORGES NETO