Toffolli nega abertura de ação de Bolsonaro contra Alexandre de Moraes

 

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, negou nesta quarta-feira (18), a notícia-crime apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) contra o ministro Alexandre de Moraes por abuso de autoridade.

Toffoli entendeu que os fatos descritos na ação proposta por Bolsonaro não trazem indícios de possíveis delitos cometidos por Moraes, relator de investigações que miram o presidente.

No documento enviado ao presidente do STF, Luiz Fux, na noite de terça-feira, Bolsonaro alegou que Moraes estaria cometendo abuso de autoridade no chamado inquérito das Fake News, em razão de seu prazo excessivo.

Ainda de acordo com o presidente, Moraes não teria autorizado acesso da defesa aos autos, não respeitaria o contraditório dos advogados, e teria decretado medidas não previstas no Código Penal.

Bolsonaro também acusou Moraes de mantê-lo como investigado apesar da PF já ter concluído que o presidente não teria cometido crime em sua live sobre as urnas eletrônicas.

MaisPB


BORGES NETO LUCNA INFORMA