Efraim minimiza fala de Enivaldo e descarta volta à base: “Não seria o momento de voltar para ser tapa-buraco”

 

O deputado federal e pré-candidato do União Brasil ao Senado Federal, Efraim Filho, minimizou, em entrevista ao Arapuan Verdade, na tarde desta quinta-feira (21), as declarações do presidente estadual do Progressistas, Enivaldo Ribeiro, que disse não fazer nenhum tipo de veto a seu retono à base aliada.

O parlamentar deixou claro que permanecerá ao lado de Pedro Cunha Lima (PSDB) na chapa da oposição e que não retornaria ao grupo governista apenas para ser um tapa-buraco.

Segundo Efraim, há inveja por parte do Progressistas, visto que o foguete não dá nem dará ré. “Eu disse, a minha palavra não tem volta, a minha palavra eu entrego e cumpro. O governo preferiu esperar, apostou na candidatura de Aguinaldo, que priorizou a reeleição, então agora não seria mais o momento de voltar para ser tapa-buraco”, pontuou.

 

PB Agora

BORGES NETO LUCENA INFOMRA