Ministério Público investiga suspeita de improbidade administrativa após 'sumiço' de vagas em concurso da Prefeitura de Malta

 

O Ministério Público da Paraíba instaurou um inquérito civil para investigar a ocorrência de improbidade administrativa em um concurso público realizado pela Prefeitura da cidade de Malta, localizada próximo a Patos.

A investigação pretende esclarecer a exclusão de alguns cargos do Edital definitivo que estavam no Edital provisório. O responsável pelo inquérito é o 4º Promotor de Justiça de Patos, Carlos Davi Lopes Correia Lima. 

O concurso público da Prefeitura de Malta abriu inscrições em maio e oferecia 26 vagas para todos os níveis de escolaridade.  O certame inicialmente trazia vagas para Agente Comunitário, Enfermeiro, Farmacêutico, Fiscal de Tributos, Médico Veterinário, Motorista e Professores de artes, matemática, português, inglês, história, geografia, ciências e educação físicas.

O ClickPB disponibiliza o e-mail redacao@clickpb.com.br para obter a resposta dos citados.

CLICKPB


BORGES NETO LUCENA INFOMRA