Após Gregória Benário, sargento Dênis também contraria decisão da federação e declara apoio a João Azevêdo

 

O presidente estadual do PV, sargento Dênis, disse que vai manter o apoio a reeleição do governador João Azevedo, contrariando a decisão da  Federação Brasil da Esperança. "Vou manter o que tem na nossa ata", sentenciou o sargento.

A Federação é formada pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Partido Comunista do Brasil (PC do B) e Partido Verde (PV), mas está apoiando a candidatura de Veneziano Vital ao governo.
Recentemente, o governador  nomeou o sargento Denis Soares dos Santos como secretário executivo do Meio Ambiente.

O ex-deputado declarou anteriormente que o Partido Verde sempre sonhou com essa federação. Para ele, uma federação é muito melhor que uma coligação. A federação se mantém por todo o tempo que durar a gestão, enquanto a coligação pode se desfazer a qualquer momento. "Nós esperamos que possamos contribuir com essa visão ecológica para o governo do presidente Lula. Estamos bem alinhados e vamos replicar isso através da nossa federação. Vamos lutar por Lula e João".



A presidente estadual do PCdoB, Gregória Benário, também declarou ao ClickPB que os trâmites legais deverão ser seguidos, mas que a decisão da Federação Brasil da Esperança em apoiar a candidatura de Veneziano Vital ao governo, não muda a decisão do partido em apoiar João Azevêdo.

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORHES NETO