Deputados federais paraibanos já arrecadaram mais de R$ 15,8 milhões dos fundos partidários para financiar campanhas


 A imagem de políticos em adesivos, outdoors, panfletos, faixas e banners começa a ser vista com mais frequência nas ruas de todo o País. Isso é reflexo do período eleitoral, somado com o início da propaganda eleitoral que começou a valer na última semana. E como diz o ditado: ''quem não é visto, não é lembrado'', muitos candidatos apostam a preferência do eleitorado no guia eleitoral mas, também em outros meios de divulgação. Com isso, os gastos são os mais diversos: gráficas, lonas, colantes, carros de som, placas, e etc.

Para se ter uma ideia dos 9 candidatos paraibanos que tentam a reeleição ao cargo de deputado federal, 7 utilizam recursos do fundo partidário ou receberam doações para a campanha eleitoral. Os números chegam a saltar os olhos. Até hoje (24) conforme dados doSitema DivulgaCand do Tribunal Superior Eleitoral, os candidatos já somam o total de R$ 15.844.907,90. Alguns lideram o topo da lista da receita como Ruy Carneiro (PSC) com R$2,51 milhões e Gervásio Maia (PSB) com R$2,5 milhões. Por outro lado, Aguinaldo Ribeiro (PP) e Wellington Roberto (PL), não divulgaram ainda os valores.

Confira a lista dos dos deputados federais e os recursos:

Aguinaldo Ribeiro (PP) - sem prestação de contas
Dr. Damião (União) - R$ 725 mil (Fundo Especial)
Frei Anastácio (PT) - R$ 1 milhão (Fundo Especial)
Gervásio Maia (PSB) - R$ 2,5 milhões (Fundo Especial)
Hugo Motta (Republicanos) - R$ 83.013,94 (Fundo Especial)
Julian Lemos (União ) - R$ 725 mil (Fundo Especial)
Ruy Carneiro (PSC) - R$ 2.510.500 (R$ 2,5 milhões Fundo Especial e R$ 10.500 doação)
Wellington Roberto (PL) - sem prestação de contas
Wilson Santiago (Republicanos) - R$ 83.013,94 (Fundo Partidário)

Candidatos ao Senado da Paraíba já receberam mais de R$ 1 milhão para campanha

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO