Rangel Jr questiona legitimidade da decisão da federação em apoio a Vené e RC e avisa que não aceitará imposição

 

Pré-candidato do PCdoB ao Senado Federal, o professor Rangel Júnior também reagiu à decisão da federação nacional que engloba PT e PV sobre os rumos da eleição na Paraíba, questionou sua legitimidade e avisou que não aceitará imposição vinda de cima para baixo.
Em entrevista nesta quinta-feira (04), o docente lembrou que a nacional só pode intervir nas decisões estaduais caso fique confirmado na convenção que não houve consenso.

“O nosso entendimento é que a nacional só se posiciona sobre isso depois de ficar confirmado na convenção estadual que não existiu unidade, que não existiu uma decisão de consenso aqui. Pela nossa compreensão e pela compreensão do estatuto da federação, não existe decisão a pleurítica da federação”, pontuou.

Além de Rangel, a direção estadual do seu partido também se posicionou contra a imposição da federação e antecipou que não irá acatar a decisão de apoiar Veneziano para o Governo.

 

PB Agora

BORGES NETO LUCENA INFOMEA