Categoria se mobiliza e participa de manifestação em defesa do piso salarial da Enfermagem no centro de João Pessoa; protesto vai durar 24 horas

 


Os profissionais da enfermagem estão realizando 24 horas de protesto em todo o Brasil contra a suspensão da implementação do piso salarial dos enfermeiros pelo STF. Em João Pessoa, a mobilização  está concentrada na Avenida Epitácio Pessoa, passando pelo cruzamento da Avenida Barão de Mamanguape.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Enfermeiros da Paraíba, Milca Rodrigues, o protesto reúne cerca de 600 pessoas. "A adesão está boa. É importante frisar que não estamos aqui contra a Prefeitura e nem contra nenhum hospital, estamos aqui em defesa do piso", frisou.

O Supremo Tribunal Federal (STF) finalizou no último dia 16, o julgamento que manteve a decisão do ministro Luís Roberto Barroso sobre o piso salarial dos profissionais de enfermagem. O placar final foi 7 votos a 4 contra o pagamento imediato do piso.

A lei que criou o piso salarial ordenou que um enfermeiro ganhe, pelo menos, R$ 4.750 por mês. Os técnicos em enfermagem receberiam 70% disso, ou R$ 3.325 por mês. Auxiliares de enfermagem e parteiras, 50%, ou seja, R$ 2.375 mensais.

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO