Pesquisa RealTime/Big Data para senador da Paraíba: Ricardo Coutinho 33%; Efraim Filho 20%; Pollyanna 16%; Bruno Roberto 7%;


 Uma nova pesquisa retrata a disputa ao senado na Paraíba. O material foi divulgado hoje (19) pelo instituto RealTime/Bigdata e foi contrado pela RecordTV. As entrevistas ocorreram presencialmente na sexta (16) e sábado (17) da última semana. Ricardo Coutinho (PT), aparece em primeiro lugar com 33%. Já no segundo lugar consta Efraim Filho (União), com 20%. 

Pollyanna Dutra (PSB), está, de acordo com a pesquisa, na terceira posição da disputa ao senado. Dutra alcançou 16%. O candidato do PL ao senado, Bruno Roberto, ocupa o quarto lugar com 7% e é seguido por Sérgio Queiroz, do PRTB, com 5%. 

André Ribeiro (PDT), Alexandre Soares (PSOL) têm 1%, cada. Manoel Messias, do PCO, não pontuou. Confira os números completos, com o percentual de entrevistados que declararam votar branco ou nulo e os que optaram por não responder:

Ricardo Coutinho (PT): 33%
Efraim Filho (União Brasil): 20%
Pollyanna Dutra (PSB): 16%
Bruno Roberto (PL): 7%
Sérgio Queiroz (PRTB): 5%
André Ribeiro (PDT): 1%
Alexandre Soares (PSOL): 1%
Manoel Messias (PCO): 0%
Branco/nulo: 7%
Não sabe/não respondeu: 10%

Nesta pesquisa foram realizadas 1.000 entrevistas de forma presencial. O número do registro, no PesqEle, é o PB-04433/2022..

Primeira pesquisa do instituto ocorreu em agosto

O levantamento divulgado hoje (19) é o segundo aplicado pela RealTime/BigData no estado. O primeiro foi em 23 de agosto, também contratada pela Record. Foram entrevistadas 1.500 pessoas. Resultado da primeira pesquisa, divulgada em agosto:

Ricardo Coutinho (PT) – 28%
Efraim Filho (União Brasil) – 17%
Bruno Roberto (PL) – 8%
Sérgio Queiroz (PRTB) – 5%
Pollyanna (PSB) – 3%
André Ribeiro (PDT) – 1%
Alexandre Soares (PSOL) – 1%
Manoel Messias (PCO) – 0%
Branco/Nulo – 17%
Não sabe/Não respondeu – 20%

Na primeira pesquisa também foi divulgado um segundo cenário para o Senado Federal, sem Ricardo Coutinho. O ex-governador, está inelegível, segundo o TRE-PB.

A defesa do candidato recorre ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para reverter a decisão, enquanto isso ele segue na disputa e aparecendo em inserções do guia eleitoral.  Números do cenário 2, da primeira pesquisa RealTime/BigData (agosto):

Efraim Filho – 22%
Bruno Roberto (PL) – 9%
Pollyanna (PSB) – 6%
Sérgio Queiroz (PRTB) – 5%
André Ribeiro (PDT) – 2%
Alexandre Soares (PSOL) – 2%
Manoel Messias (PCO) – 1%
Branco/Nulo – 25%
Não sabe/Não respondeu – 28%

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO