Bolsonaro nomeia ex-ministro sanfoneiro para mandato de 4 anos na presidência da Embratur

 

O presidente Jair Bolsonaro (PL) nomeou o ex-ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, novamente para o cargo de diretor-presidente da Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo).

Neto ocupou o comando da Embratur no início do governo Bolsonaro e retorna agora no apagar das luzes da atual gestão.

O ato de nomeação foi publicado, nesta sexta-feira (18), no Diário Oficial da União. O novo mandato é de quatro anos, durante o período Lula. Procurada pela CNN, a equipe de transição ainda não se manifestou.

Machado é amigo e aliado político de Bolsonaro. Durante o pico das mortes pela covid na pandemia, apareceu em live com o presidente tocando sanfona.

Nestas eleições, Machado concorreu ao Senado pelo estado de Permambuco como candidato com apoio de Bolsonaro. Perdeu, no entanto, para Teresa Leitão (PT).

CLICKPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA