UFPB e Prefeitura de João Pessoa assinam protocolo de intenções com projeto para estabilizar Barreira do Cabo Branco

 

Um protocolo de intenções vai garantir um projeto para estabilizar a Barreira do Cabo Branco, na orla da Capital. O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, e o reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Valdiney Gouveia, assinaram, na manhã desta sexta-feira (29), um protocolo para ações cooperativas em diversas áreas.

Entre os pontos principais do documento está a colaboração da UFPB no desenvolvimento de projetos que garantam a preservação da barreira do Cabo Branco. "A Ponta do Seixas é um patrimônio mundial e está sendo atingido por não termos agido há tempo. Daí a importância da UFPB em ser parceira. O reitor já nos trouxe a informação de que universidades internacionais trabalham hoje com a estabilização de barreiras e vamos tocar isso junto à proteção. Essa parceria só tem a ajudar à cidade e a população", destacou o prefeito, segundo informações obtidas pelo ClickPB.

O reitor Valdiney Gouveia afirmou que a contribuição é um compromisso com a Paraíba, o Nordeste e o Brasil. "Temos um potencial enorme de contribuição com a sociedade e esse protocolo sinaliza a sintonia e o propósito de promover o bem estar da população. Fico honrado em fazer parte e asseguro que faremos o que for preciso."

O documento também aponta perspectivas de trabalho conjunto nas áreas de pesquisa, desenvolvimento e inovação, ensino EaD, extensão, desenvolvimento e transferência de tecnologia, capacitação de recursos humanos, programas de estágios e de trainees, entre outras ações.

Estiveram presentes no encontro o deputado federal Aguinaldo Ribeiro; a vice-reitora da UFPB, Liana Figueira; e a secretária municipal da Ciência e Tecnologia (Secitec), Margareth Diniz.

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO