Quatro paraibanos votaram contra PEC dos Precatórios que foi aprovada em 2º turno da votação

 

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite de hoje (9) em segundo turno a ‘PEC dos Precatórios’ que permite o parcelamento de precatórios e altera o cálculo do teto de gastos, liberando R$ 91,5 bilhões para o Orçamento do próximo ano. O texto-base foi aprovado por 323 votos a favor, 172 votos contrários e uma abstenção. Os parlamentares votaram e rejeitaram quatro destaques. O texto segue para análise do Senado, onde precisa ser também precisa ser aprovado em dois turnos, com, pelo menos dois terços de votos favoráveis.

No início da noite, o Plenário conclui a discussão dos destaques e aprovado a PEC em primeiro turno. Após um acordo que quebrou o insterstício (intervalo) de cinco sessões entre o primeiro e o segundo turno, os deputados discutiram o texto por pouco mais de uma hora e votaram o texto-base em apenas 18 minutos.

O resultado da aprovação do segundo turno foi proclamado por volta das 23h45. 

Veja como votaram os paraibanos:

Sim

Aguinaldo Ribeiro (PP), Edna Henrique (PSDB), Efraim Filho (DEM), Ruy Carneiro (PSDB), Hugo Motta (Republicanos), Julian Lemos (PSL), Wellington Roberto (PL), Wilson Santiago (PTB). 

Não

Pedro Cunha Lima (PSDB), Gervásio Maia (PSB), Frei Anastácio (PT) e Damião Feliciano (PDT).

PB Agora


BORGES NETO LUCENA INFORMA