Sereias da Penha levam o nome da Paraíba para a feira de negócios Expo Favelas, em São Paulo

 Destacar o nome de João Pessoa e da Paraíba no cenário nacional. Mais uma vez o grupo de artesãs Sereias da Penha, vai expor suas obras de arte em São Paulo. Entre os dias 15 e 17 deste mês, elas participam da Expo Favela. O evento é uma feira de negócios, onde os expositores são empreendedores e startups que nasceram e atuam em comunidades de todo o Brasil. As Sereias se inscreveram em um processo seletivo para participar do evento.

Com sede na Praia da Penha, as Sereias produzem artigos decorativos, biojóias, acessórios, roupas e uma variedade de produtos em macramé e escama de peixe. Material que seria descartado, elas transformam em arte, que chama atenção de moradores e turistas que frequentam a Capital. As Sereias recebem o apoio da Prefeitura por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), que tem da
do todo suporte ao trabalho das artesãs, proporcionando inclusive, espaços adequados para exposição, como a Feira Móvel do Produtor.

Esta não é a primeira vez que as artesãs são destaque no País. Em 2015 suas peças estiveram no maior evento de moda do Brasil, o São Paulo Fashion Week, por meio de parceria com o estilista Ronaldo Fraga. O convite para a Expo Favela, celebra o cenário de retomada que as artesãs vivem agora. “Fizemos uma inscrição e estamos passando por algumas etapas. De todo jeito nós iremos para a Expo Favela, o processo de seleção é para saber se teremos um estande próprio para nossas peças. Vamos levar o macramé com a escama de peixe, o cobre, peças de decoração, com o foco para luminárias. Será enriquecedor! Eu agradeço demais a Sedurb por ter nos dado a mão e acreditado em nosso potencial”, destacou Aline Gouveia, artesã.

“As sereias, junto com um grupo de mais 12 empreendedores e empreendedoras estão indo junto à comitiva da Cufa Paraíba para a Expo Favela. As Sereias estão concorrendo a um estande na Expo Favela, com resultado previsto para a próxima semana, mas já possuem vaga garantida na no espaço Feira Brasil, que ocorre no mesmo evento, mas sendo esse, um espaço com curadoria das Cufas estaduais”, explicou Kalyne Lima, copresidenta nacional da Cufa.

Valorização do artesanato – Desde o ano passado a Sedurb tem um olhar especial para as artesãs. Foi promovido um desfile para lançar a coleção e a retomada das atividades delas, em nova sede. As Sereias também foram cadastradas na Feira Móvel do Produtor, agregando irreverência e autenticidade ao evento, bem como proporcionando espaços itinerantes para exposição.

“Valorizar atividades de extremo potencial econômico e cultural, como o artesanato, é uma das nossas prioridades. Ficamos extremamente orgulhosos com o reconhecimento do trabalho das Sereias da Penha, mulheres guerreiras e que, com sua arte, elevam o nome da nossa cidade para todo o País”, destacou Fábio Carneiro, secretário da Sedurb.

PB Agora



FALA PARAÍBA-BORGES NETO