Sobe para 33 nº de mortos pelas chuvas no Grande Recife; só neste sábado, foram 28 óbitos

 



Chegou a 28 o número de mortes em deslizamentos de barreira confirmadas no Grande Recife neste sábado (28). Com esse acréscimo, aumentou para 33 o número de óbitos devido às fortes chuvas que atingem a Região Metropolitana e a Zona da Mata desde segunda-feira (23).

No Recife, além de uma morte no Córrego do Jenipapo e outra no Sítio dos Pintos, outras 20 pessoas morreram devido a um deslizamento de terra na comunidade Jardim Monte Verde, no bairro do Ibura, na Zona Sul da capital pernambucana.

Em Camaragibe, no Grande Recife, seis pessoas morreram após um deslizamento de barreira na manhã deste sábado (28). Os nomes e as idades das vítimas não foram divulgados até a última atualização desta reportagem.

De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), Camaragibe registrou 129 milímetros e o Recife contabilizou 150 milímetros até o início da tarde deste sábado (28). De manhã, as outras duas vítimas que morreram na capital pernambucana. As chuvas fortes que atingem o Grande Recife e a Zona da Mata desde o domingo (22) provocaram a morte de outras cinco pessoas nesta semana.

 

Além dos óbitos, as chuvas fizeram com que quase mil pessoas deixassem as casas onde moram por causa dos alagamentos e deslizamentos de terra.

Balanço da Defesa Civil do Recife

Das 19h da sexta (27) às 10h deste sábado (28), a Defesa Civil do Recife recebeu 198 chamados da população, entre pedidos de vistoria e solicitações de lona plástica. O Samu Metropolitano do Recife recebeu 57 chamados nas últimas horas, sendo 26 para atendimentos na capital pernambucana, 22 para Jaboatão dos Guararapes e nove em 


BORGES NETO LUCENA INFORMA